Cassinha Carvalho participa de reunião mensal do Fomenti

Trabalho e cidadania
09/11/2018
Cassinha Carvalho acompanha intervenção na via de acesso ao bairro Castelo
18/12/2018
Mostrar tudo

Cassinha Carvalho participa de reunião mensal do Fomenti

Na manhã desta segunda-feira (03/12) as lideranças do Fórum das Entidades de Ipatinga (Fomenti), se reuniram no plenário da Câmara de Ipatinga para alinhamento mensal das atividades e orientações.

 

Vereadora se colocou à disposição das entidades para buscar alternativas e manter os serviços funcionando.

“Faço questão de participar das reuniões e  estar ao lado das entidades, defendendo suas demandas de trabalho”, destaca a vereadora Cassinha Carvalho, que acompanha as reuniões do Fomenti desde fevereiro de 2017.

Na oportunidade, os representantes se reuniram para buscar alternativas para a manutenção das entidades no próximo ano. “O número de pessoas que necessitam de atendimento cresce a cada ano, mas os recursos não estão acompanhando essa progressão e as previsões são alarmantes”, afirma Cassinha.

Orçamento
Foi aprovado nesta tarde de terça-feira, em segunda votação, o PL 106, que “Estima a Receita e Fixa a Despesas do Orçamento do Município de Ipatinga para o Exercício Financeiro de 2019”.

Visando defender os interesses da população de nossa cidade, a vereadora Cassinha Carvalho apresentou três emendas, uma que assegurava recursos para entidades da Saúde de Ipatinga; outra que reduzia de 20% para 10% créditos adicionais e suplementares no orçamento e ainda uma emenda supressiva que retirava do Executivo o poder de realizar operações de crédito, internas e externas, sem a autorização da Câmara.

“Infelizmente, a maioria dos vereadores presentes retirou suas emendas. Das 36 apresentadas, somente 9 foram a votação. Não bastasse isso, votaram contra emendas importantes, aprovando o PL 106 da forma integral, como enviado pelo Executivo para votação”, recorda a vereadora. “Mais uma vez o povo de Ipatinga só sentirá os efeitos desta decisão no ano que vem, quando os recursos deixarem de chegar aos locais que realmente importam aos cidadãos”, finaliza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *